terça-feira, 26 de março de 2013

Educação começa em casa

A notícia da agressão dada por um aluno de 15 anos à diretora da Escola Municipal João Kopke, Leila Soares, chocou a todos. Leila foi espancada por ter repreendido um aluno por não ter voltado à sala de aula após o intervalo.

Ela levou vários socos, sofreu lesões no rosto, foi parar no Hospital Salgado Filho e está de licença médica. O caso foi registrado numa delegacia e enviado para a Vara da Infância e Juventude. E o Regimento Escolar Básico do Ensino Fundamental foi aplicado ao aluno, que será transferido para uma outra unidade.

Eu me pergunto: como um aluno não volta para a sala de aula e ainda espanca a diretora do colégio? Isso além de ser inadmissível, é uma falta de respeito, uma falta de educação e uma falta de civilidade.

E isso tudo não é dado apenas pela escola. Mas, infelizmente, muitos pais se esquecem disso. Educar dá trabalho. E vai muito além do que apenas prover. É saber dizer não quando necessário, estabelecer limites e dar exemplo.

Afinal, a educação começa em casa.

2 comentários:

DILSON RAMOS disse...

O papel principal da escola é ensinar.Relmente a educação começa em casa.Parabéns deputado , excelente postagem!

DILSON RAMOS disse...

parabéns deputado!falou tudo.